Livro-reportagem

Reportagem é sempre reportagem… Parece um comentário tão óbvio, mas ainda me espantam algumas definições mirabolantes sobre o assunto.

Reportagem prevê uma boa pesquisa já para a pauta, um tema que permita aprofundamento do assunto, traz uma abordagem por vários pontos de vista, requer entrevistas de muitas, muitas, muitas pessoas, faz uma análise crítica sobre o assunto, dentre tantas outras características que poderíamos enumerar aqui.

Para que a reportagem migre de plataforma do jornal ou revista para o livro, é porque requer mais espaço. O que deve ou não ter mais espaço é uma questão a refletir caso a caso mesmo. Vamos analisar alguns livros, que são reportagens? Por que eles se tornaram livros? E qual a relação entre eles e a literatura?

Anúncios

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s